Virgin Orbit realiza primeiro lançamento comercial de satélites

Virgin Orbit realiza primeiro lançamento comercial de satélites

1 de julho de 2021 Off By Vivi

A Virgin Orbit do milionário inglês Richard Branson fez nesta quarta-feira o primeiro lançamento comercial de satélites. A missão tem pelo menos um fato curioso, foi batizada com o nome de um disco dos anos 70.

Virgin Orbit fez o primeiro lançamento comercial de satélites nesta quarta-feira o Foguete Launcher One foi lançado a partir de um Boeing 747 modificado chamado Cosmic girl e colocou sete pequenos satélites em uma órbita a 500 km de altitude.

A missão foi batizada de Tubular Bells 1 nome do álbum de estreia do músico inglês Michael Ditchfield que foi o primeiro lançamento da Virgin Records primeira empresa do Grupo Virgin em 1973.

A liberação do foguete ocorreu a uma altitude de 10 quilômetros após a confirmação de condições técnicas e meteorológicas.

O foguete colocou 7 satélites de pequeno porte em órbita da Terra, quatro para o centro de espaço Emes 6 da força espacial dos Estados Unidos, 1 para Força Aérea holandesa e 2 satélites de observação terrestre da empresa polonesa Sat Revolution.

Portanto Virgin Orbit é apenas uma das empresas do setor aeroespacial no Grupo Virgin, fundado pelo bilionário inglês Richard Branson.

Então recentemente outra empresa do grupo A Virgin Galactic obteve autorização para iniciar os primeiros voos turísticos até o espaço.

SpaceX

Então finalmente a SpaceX conseguiu lançar a missão Transporter 2. Depois de dois adiamentos o foguete partiu para a órbita terrestre levando 88 satélites.

Um dos adiamentos aliás deixou Ellon Musk irritadíssimo. Após dois adiamentos a Spacex lançou nesta quarta-feira a missão transporter 2, carregando 88 satélites, três deles da rede StarLink.

O foguete Falcon 9 decolou pela oitava vez do complexo de lançamento espacial 40 no cabo Canaveral na Flórida. Ao contrário de missões anteriores que pousaram em balsas autônomas no litoral da Flórida. Desta vez o foguete pousou em terra firme em uma área também no cabo Canaveral próximo ao local de onde partiu. (Fonte: Olhar Digital)

O SEO da Spacex Elon Musk ficou irritado com os adiamentos desta missão especialmente o que ocorreu há 11 segundos do lançamento por causa da presença de um helicóptero particular na chamada zona de exclusão.

Esse é o nome dado para a área proibida para voos de qualquer aeronave nos momentos anteriores a lançamentos espaciais. Musk voltou a criticar a legislação do órgão que regula as operações aéreas nos Estados Unidos que ele considera exagerada.

Enquanto o FAA alega que o sistema funciona e mantém as pessoas seguras Musk afirma que as regras se destinam a um punhado de lançamentos dispensáveis por ano de algumas instalações do governo e que se depender delas a humanidade nunca vai chegar a Marte.

Atualizado: 05/07/21
Instalar: 𝘿𝘼𝙏𝘼𝘽𝘼𝙎𝙀 – 𝙈𝙄𝘾𝙆𝙀𝙔 𝙑𝟭𝟬

👉PARABÉNS! VOCÊ GANHOU R$30,00! BAIXE AGORA O APLICATIVO E RESGATE SUA RECOMPENSA👈